INTEGRALIDADE PRÁTICA

Pr. Fabricio Fukahori

Temos aprendido neste ano que viver na realidade do “Uns aos Outros” é a dinâmica pelo qual nós, o povo de Deus, devemos viver com a ajuda do Espírito Santo. No mês de junho fomos orientados pela Palavra de Deus acerca do nosso propósito como Igreja em ser um sinal histórico do Reino de Deus na terra. Pois bem… neste mês queremos continuar o tema, mas com a intenção de trazermos à nossa reflexão o aspecto prático da missão integral de Deus.

Inegavelmente a história nos mostra que o avanço da proclamação do evangelho de Jesus no mundo se deu por causa de pessoas simples em seu cotidiano e indo de casa em casa. Uma das formas que o Império Romano tentou impedir seu avanço, após muitas tentativas violentas, foi cessando a perseguição, institucionalizando-a e colocando dentro de “quatro paredes”; transformando sua expressão de serviço apenas para “pessoas especializadas” dentro de cultos. Tentaram transformar nossa fé em algo mais teórico do que prático.

O império romano já não existe mais e muitos séculos já se passaram, mas a estratégia do Inimigo ainda é a mesma: fazer com que fiquemos presos dentro de um templo vivenciando uma espiritualidade auto-centrada, curtindo uma “Koinonite” (comunhão adoecida) ao invés de vivermos uma espiritualidade outro-centrada… Uns aos outros no mundo!

Assim também a luz de vocês deve brilhar para que os outros vejam as coisas boas que vocês fazem e louvem o Pai de vocês, que está no céu” (Mt 5:16).  Brilhar a luz de Cristo e iluminar em meio as trevas é nossa vocação como Povo de Deus! Jesus te chama para um propósito maravilhoso em todos os lugares onde você tem andado. Caminhe conosco nesta jornada!